Boca no Trombone

Boca no Trombone

Frequentemente os usuários da linha Galeão x Alvorada do BRT, sofrem com a falta de ar-condicionado no transporte. Quando o número de passageiros aumenta, o calor piora. Não aguentamos mais. Maurício Belmiro, via Twitter.


22/03/2019 - Edição 1929

Na Rua Estocolmo, no Jardim Carioca altura do número 301, parte de um bueiro está cedendo. Moradores colocaram galhos de árvore para sinalizar e evitar acidentes
Na Rua Estocolmo, no Jardim Carioca altura do número 301, parte de um bueiro está cedendo. Moradores colocaram galhos de árvore para sinalizar e evitar acidentes
BRT insuportável Frequentemente os usuários da linha Galeão x Alvorada do BRT, sofrem com a falta de ar-condicionado no transporte. Quando o número de passageiros aumenta, o calor piora. Não aguentamos mais. Maurício Belmiro, via Twitter. Perigo na orla A orla da Praia da Bandeira está vergonhosa. Precisamos urgentemente de reparos no local, toda a pavimentação da orla está horrível com vários buracos abertos no local. Está ficando muito perigoso.  Ronaldo Rocha, via Facebook. Pico de luz Durante um pico de luz na quarta (20), diversos sinais da Ilha ficaram por horas sem funcionar. O trânsito, que já é caótico, conseguiu ficar pior e demorou muito para consertarem. Na questão de trânsito na Ilha, sempre temos problemas. Laura Luísa, via WhatsApp. Vans irregulares Gostaria de saber onde está a fiscalização na Ilha para a bagunça que as vans fazem na região. Apostam corridas, não respeitam sinal, entopem de passageiros em pé, não aceitam gratuidades. São dezenas de irregularidades cometidas, sem contar com as que são piratas ou os motoristas que não tem carteira. Chega de ficarmos a mercê de irresponsáveis. Eles agem, pois ninguém fiscaliza. Fábio Farias, via WhatsApp. Desrespeito Aos finais de semana, os donos de trailers na Praia da Bica causam transtorno e impedem o direito de ir e vir dos pedestres colocando mesas, cadeiras e até barmans nas calçadas tomando o espaço por completo. Não há fiscalização e as pessoas são obrigadas a desviar pela rua para poder continuar a caminhada. Richard Diniz, via facebook. Frescão sem ar  O ônibus B28713, que é do tipo Frescão e liga ao Centro da Cidade, não estava com o ar-condicionado funcionando na segunda (18). O calor dentro do veículo estava insuportável. Pegar frescão que é um quentão, não tem como! Marcelo Anjos, via Twitter. Resposta: A viação Ideal confirmou problema e garante que já fez o conserto no ar condicionado do veículo. Buracos A Rua Pio Dutra, na Freguesia, está com diversos buracos. Começam próximo ao Colégio Mendes de Moraes e seguem por toda a via. Alguns estão em uma curva, oferecendo ainda mais perigo para motoristas e motoqueiros. Precisamos que esses reparos sejam feitos urgente para evitar acidentes. Francine Silva, via Facebook. Lixão  Faltam caçambas de lixo na Praia da Rosa, o que faz com que muitos sacos de lixo acabem parando no mar que fica cada vez mais poluído. É comum também a presença de carros incendiados ou abandonados no local. Estão transformando um trecho da praia em lixão. Marcela Campos, via Facebook. Som nas barcas Sou usuária das barcas e, diariamente, presencio alguns passageiros com música alta nas embarcações. Devido ao volume, o som ecoa por toda a barca, causando desconforto aos outros passageiros. Sugiro que a CCR Barcas coloque fiscais nas embarcações, para reprimir a perturbação do sossego, ou distribua fones de ouvidos. Fernanda Santos, via e-mail. Abandono de carros Há mais de dois anos que três carros estão abandonados na Rua Catugi, próximo a Estrada do Dendê, no Tauá. Os veículos estão atrapalhando a passagem dos pedestres e afunilam a via atrapalhando os carros. Afonso Paiva, na redação.  Assalto Fui assaltado à noite na Praia da Engenhoca. O local está muito escuro e isso favorece a ação de criminosos. Fiquei sem o celular e uma quantia em dinheiro. É comum também a presença de usuários de drogas no local, o que também é um absurdo já que consomem drogas livremente. Filipe Matheus, via Facebook.  Visconde Delamare Diversos moradores ao longo da Rua Visconde Delamare, não respeitam as calçadas da via. Estacionam os carros em cima, fazendo com que idosos e mães com carrinhos de bebês passem pela rua. Alguns até chegam a “reservar” vagas com o auxílio de cones. Silvana Nobrega, via WhatsApp. Corredor sem luz Com este calor queremos frequentar o Corredor Esportivo à noite, para tomar um ar fresco, mas fica difícil com a escuridão em diversos pontos do local. A falta de iluminação deixa o lugar muito inseguro. As lâmpadas precisam ser trocadas. Manoel Souza, via e-mail. Amapurus Os pedestres que transitam pela Rua Amapurus, no Tauá, sofrem com os carros estacionados nas calçadas. Moradores de um condomínio e uma oficina ocupam boa parte das calçadas com os veículos, obrigando os pedestres a andarem no meio da rua. Roberta Lopes, via WhatsApp. Alô Light! Tem uns galhos presos por cordas na rede elétrica na Rua Acaituba em frente ao Restaurante e Pizzaria Brasas Grill, no Jardim Carioca. Desde a tempestade da quarta-feira de cinzas do ano passado, que os galhos permanecem no local. Está um perigo pois ficam carros e pedestres parados embaixo. Marcelo Candido, via WhatsApp. Obra demorada Agora todo o dia são horas e mais horas para sair da Ilha de manhã por causa da obra na Estrada do Galeão. Precisamos de agilidade e que ela termine logo para a Ilha voltar ao fluxo do tráfego normal, que já é algo complicado. Todo dia chegar atrasado no trabalho por causa de obra é muito chato. Guilherme Espezim, na redação.