Boca no Trombone

O povo fala!

Praia de Cocotá está praticamente tomada pela poluição


27/08/2021 - Edição 2056

Poluição tomou conta de quase toda a faixa de areia da Praia de Cocotá
Poluição tomou conta de quase toda a faixa de areia da Praia de Cocotá

Motoqueiros 
É impressionante a zona que se tornou o trânsito na Ilha pela falta de fiscalização. Os motoqueiros estão fazendo o que querem. No fim de semana, estava caminhando pelo Jardim Guanabara quando um motoqueiro subiu na calçada e quase me atropelou. Fabrício Gomes, via WhatsApp. 

Besouros
Os moradores da Rua Cachoeira do Mato, no Cacuia, estão novamente sofrendo com infestações de besouros vindo do cemitério. Esses insetos estão invadindo as casas. Isso já havia acontecido há alguns meses, mas a situação agora está pior. José Santos, via WhatsApp. 

ParCão 
Quando é que as autoridades locais vão consertar o portão de entrada do ParCão do Corredor Esportivo? Está em estado deplorável de conservação, com a proteção totalmente danificada e enferrujada. É um risco muito grande para os cães fugirem ou se machucarem. Jacques Victorio, via WhatsApp. 

Mais sinalização 
A sinalização horizontal em vários trechos da Estrada do Galeão está bem ruim. Em muitos pontos a pintura da pista está bem desgastada e não é possível ver a divisão das faixas de rolamento. Isso é bem prejudicial, pois afeta a segurança no trânsito. Jair Paes, via Instagram. 

Avanços de sinal 
Uma das missões mais complicadas na Ilha é atravessar uma rua em segurança. Isso porque os motoristas frequentemente avançam os semáforos e não respeitam o pedestre. Eu mesma atravesso morrendo de medo de ser atropelada. Pamela Cristina, via Instagram. 

Caos no Cacuia 
O trânsito no Cacuia está infernal. Em horários de rush, fica simplesmente insuportável de dirigir. O trecho da Estrada do Cacuia em frente ao Supermercado Mundial, por exemplo, é uma zona por conta das vans que ocupam o espaço do ponto de ônibus. O pior de tudo é que a Guarda Municipal não faz absolutamente. Michelle Antunes, via Instagram. 

Perigo na Galeão 
Os semáforos na Estrada do Galeão deveriam todos ter fiscalização eletrônica, pois só assim os motoristas respeitariam a sinalização. Há vários trechos da via em que o desrespeito é muito grande, pois além de avançarem o sinal, trafegam em alta velocidade, sobretudo à noite. Flavio Conceição, via Instagram.

Pouca luz na ponte 
As autoridades insulanas precisam solucionar a falta de iluminação nas duas pontes do Galeão. Tanto a nova quanto a velha não têm visibilidade adequada e em vários trechos fica um verdadeiro breu. Muito disso se deve a criminosos que furtam cabos nos postes. Alexandre Magno, via WhatsApp. 

BRT lotado 
Está complicado pegar ônibus na estação de BRT na Ilha do Fundão. O local fica lotado, principalmente de manhã e no fim da tarde, com muitas pessoas aglomeradas. Em tempos de pandemia e do aumento da variante Delta, isso se torna um risco muito grande para as pessoas. Carlos Rodrigues, via Facebook. 

O 922 sumiu 
Os moradores de Tubiacanga não aguentam mais o descaso da Paranapuan. Há mais de um ano que a empresa simplesmente não disponibiliza ao longo do dia os ônibus da linha 922 para a população, fazendo somente duas viagens pela manhã. Quando é que a empresa vai disponibilizar a linha novamente? Joel Miranda, via Facebook. 

Motos irregulares 
Cadê as fiscalizações às motos que andam irregularmente pela Ilha? Na terça (24), um motoqueiro que andava sem placa acessou a Rua Babaçu, no Jardim Guanabara, pela contramão e bateu em um carro que estava estacionado na altura do número 585. Após, o motoqueiro fugiu. Fabrício Augusto, via Twitter.